26 de maio de 2011

Cursinho Pré vestibular da Paraíba: PBvest


Atenção alunos:

Picuí sediará um Pólo do Cursinho Pré vestibular do Estado:PBvest


Faça já sua inscrição aqui, clicando imagem da escola

24 de maio de 2011

Isenção: UEPB


A Comissão Permanente do Vestibular da Universidade Estadual da Paraíba divulgou o Edital que define as normas para a solicitação de isenção da taxa de inscrição ao Concurso Vestibular 2012. O período de inscrições ocorrerá de 30 de maio a 10 de junho através do preenchimento de formulário eletrônico no portal http://www.comvest.uepb.edu.br/ .

Poderão solicitar a isenção da taxa de inscrição os candidatos que concluíram, ou estão concluindo, as três séries do ensino médio em escolas da rede pública municipal, estadual ou federal do país. Também terão direito os doadores regulares de sangue e de leite materno, além dos servidores da Instituição e seus dependentes. Para a Cota de Inclusão, política que reserva 50% das vagas da ampla concorrência, somente poderão participar os candidatos que cursarem integralmente o ensino médio na rede pública do Estado da Paraíba.

Após o preenchimento do formulário eletrônico, os candidatos deverão enviar, exclusivamente via CORREIOS, por carta registrada, todos os documentos exigidos pelo Edital, para a Comvest, localizada na Rua Baraúnas, 351, Bairro Universitário, em Campina Grande. O prazo final para envio deverá estar datado até o limite do período de inscrições.

Veja trecho do edital sobre a documentação necessária:


DOCUMENTAÇÃO PARA A ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO/VESTIBULAR 2012

3.1 – Para os candidatos que se enquadrem no que dispõe a Lei Estadual nº 7.197/2002
3.1.1 – Para o candidato que está cursando o Ensino Médio em Escola Pública:
  • Declaração em papel timbrado ou com carimbo identificador da unidade de ensino, assinada pelo Diretor Geral ou Adjunto, de ter cursado integralmente as duas primeiras séries do Ensino Médio em Escola Pública e comprovante de matrícula regular no 3º ano. (Anexo I – Modelo de Declaração)
  • Cópia da Carteira de Identidade (RG).
  • Cópia do CPF.
3.1.2 – Para o candidato que já concluiu o Ensino Médio em Escola Pública:
  • Cópia do Histórico Escolar Completo.
  • Cópia da Carteira de Identidade (RG).
  • Cópia do CPF.
3.2 – Para candidatos que se enquadrem no que dispõe a Lei Estadual nº 7.716/2004:
  • Cópia da carteira de doador de sangue, expedida por órgão estadual competente.
  • Cópia do documento que fizeram sistematicamente, doação de sangue, conforme o disposto na portaria nº 1.376, de 19 de novembro de 1993, do Ministério da Saúde e que tenham feito, no mínimo, três doações nos doze meses anteriores à publicação deste edital.
  • Cópia da Carteira de Identidade (RG).
  • Cópia do CPF.

  • 3.3 – Para candidatas que se enquadrem no que dispõe a Lei Estadual nº 8.483/2008:
  • Cópia da carteira de doadora regular de leite materno, constando as datas de doação.
  • Cópia da Carteira de Identidade (RG).
  • Cópia do CPF.

No que se refere ao candidato a cota de Inclusão

4.2 – Documentação para a Participação na Cota de Inclusão
4.2.1 – Para o candidato que está cursando o Ensino Médio em Escola Pública do Estado da Paraíba:

  • Declaração em papel timbrado ou com carimbo identificador da unidade de ensino, assinada pelo Diretor Geral ou Adjunto, de ter cursado integralmente as duas primeiras séries do Ensino Médio em Escola Pública do Estado da Paraíba e comprovante de matrícula regular no 3º ano do Ensino Médio, também em Escola Pública do Estado da Paraíba. (Anexo I – Modelo de Declaração
Para o candidato que concluiu o Ensino Médio em Escola Pública do Estado da Paraíba:
  • Cópia do Histórico Escolar Completo.
  • Cópia da Carteira de Identidade (RG).
  • Cópia do CPF.

Baixe e leia o edital completo aqui

Fonte: Comvest

1ª Avaliação de História : II Bimestre 2011



Veja no Banner ao lado como você se saiu na 1ª Avaliação de história do II Bimestre 2011

23 de maio de 2011

ENEM: Isenção


Alunos concluintes do Ensino Médio em 2011 e matriculados em escolas da rede pública de ensino, declaradas ao Censo Escolar da Educação Básica, estão isentos da taxa de inscrição.

As provas serão realizadas nos dias 22 e 23 de outubro, às 13h, em todo o Brasil. Somente será permitido o uso de caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente. Os participantes deverão desligar o aparelho celular e qualquer equipamento eletrônico ao entrar na sala de prova sob pena de eliminação do exame.

Na Paraíba as provas serão aplicadas nos seguintes municípios: Alagoa Grande, Alagoa Nova, Aroeiras, Bananeiras, Bayeux, Caaporã, Cabedelo, Cajazeiras, Campina Grande, Catolé do Rocha, Conceição, Cuité, Diamante, Esperança, Guarabira, Ingá, Itabaiana, Itaporanga, João Pessoa, Mamanguape, Monteiro, Patos, Piancó, Picuí, Pombal, Princesa Isabel, Queimadas, Santa Luzia, São Bento, São João do Rio do Peixe, Sapé, Solânea, Sousa, Tavares.

20 de maio de 2011

Pré vestibular do Estado da Paraíba


A Secretaria de Estado da Educação lançou nesta sexta-feira (20), na edição do Diário Oficial do Estado, o edital para o processo seletivo do pré-vestibular do Estado da Paraíba - PBVest. Estão sendo oferecidas 4.070 vagas para alunos que estejam cursando o 3º ano do Ensino Médio em escola pública ou que tenham concluído o Ensino Médio em escola pública do Estado.

As inscrições podem ser realizadas a partir da segunda-feira (23) até o dia 3 de junho, pelo site de Secretaria da Educação (www.paraiba.pb.gov.br/educacao).

Após realizar sua inscrição o candidato participará de uma prova eliminatória e classificatória abrangendo conteúdos de Português e Matemática . A prova será aplicada no dia 19 de junho, das 8h às 12h, no município onde o candidato pretende realizar o curso.

O resultado será divulgado no site da Secretaria da Educação e nas sedes das instituições participantes a partir do dia 4 de julho. As aulas para os candidatos aprovados começarão no dia 9 de julho.

Matrículas - As matrículas para os candidatos classificados serão realizadas no dia 6 de julho, das 8h às 11h e das 14h às 17h na unidade educacional em que irá cursar o PBVest. Os retardatários farão suas matrículas no dia 7 de julho, no mesmo local.

Os documentos exigidos para a matrícula são os seguintes: declaração da escola em que está cursando a 3ª série do Ensino Médio ou certificado de conclusão da escola pública onde concluiu os estudos; duas fotografias 3x4 recentes coloridas, de fundo branco; RG e CPF.

O curso objetiva reforçar e ampliar os conhecimentos dos alunos das escolas da rede pública de ensino e egressos do Estado da Paraíba, que pretendam concorrer às vagas dos cursos de graduação através de exame vestibular ou de outros processos seletivos.

As aulas acontecerão aos sábados e domingos, no período de julho a novembro, em horário integral. "Nosso grande objetivo com o PBVest é ter cada vez mais alunos da rede pública nas principais universidades da Paraíba", explica o secretário da Educação do Estado, Afonso Celso Scocuglia.

O PBVest acontecerá nos seguintes municípios: João Pessoa, Guarabira, Campina Grande, Cuité, Monteiro, Patos, Itaporanga, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Souza, Princesa Isabel, Itabaiana, Santa Rita e Araruna.

"As aulas serão divididas em 30 minutos de vídeo-aulas e 20 minutos de resolução de exercícios com um professor monitor em sala de aula. Os alunos acompanharão através de material didático elaborado pela equipe do PBVest, que é composta por excelentes professores de cursinho do Estado", explicou o coordenador do PBVest, professor Américo Falcone.

Os professores do PBVest serão os seguintes: Pelágio Nerício (Física), Alan (Biologia), Geraldo Lacerda (Matemática), Socorro Arruda (Língua Portuguesa), Douglas (Língua Espanhola), Motinha (Língua Inglesa), Waldemir Pinheiro (História), Luciano Gaúcho (Geografia) e Américo Falcone (Química).

19 de maio de 2011

PSS 2012: UFPB divulga datas do Vestibular



As datas do Processo Seletivo Seriado (PSS) 2012 da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) já estão confirmadas. As inscrições começam no dia 17 de agosto e se prolongarão até 4 de setembro.

Pelo calendário da Coperve as inscrições poderão ser feitas da seguinte forma no PSS 2012: apenas para as provas do Processo Seletivo Seriado PSS 3 ( 3ª série), somente para candidato considerado apto nas provas do PSS 2 (2ª série) aplicadas em 2010, ou para o conjunto das provas das três séries (PSS 1, PSS 2 e PSS 3).

Conforme o Informativo da Coperve, as provas do Processo Seletivo Seriado 2012 da UFPB serão realizadas em três etapas: dia 20 de novembro - PSS 1; 21 de novembro - PSS 2 e finalmente nos dias 18 e 19 de dezembro as disciplinas das provas do PSS 3.


Fonte: UFPB

18 de maio de 2011

Inscrição ENEM 2011


O Ministério da Educação (MEC) confirmou que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2011 será realizado nos dias 22 e 23 de outubro.

No ano de 2012 haverá uma prova em maio outra em outubro de 2012. A intenção do MEC em aplicar duas edições do Enem por ano.

O resultado do exame é utilizado para que os estudantes se inscrevem no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e podem concorrer a vagas em instituições públicas e federais de ensino superior de todo o país. No ano de 2012, foram oferecidas aproximadamente 83 mil vagas em 83 instituições, sendo 39 universidades federais.

Em 2010 o exame do Enem teve mais de 4 milhões de estudantes que se inscreveram. A nota do Enem também é utilizada para os estudantes interessados em uma bolsa do Programa Universidade para Todos (ProUni).

Fonte: Portal do MEC

13 de maio de 2011

ENEM - 2011 informações


O Ministério da Educação (MEC) vai publicar na próxima semana o edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Serão realizadas duas edições do exame em menos de um ano. A primeira deverá acontecer nos dias 22 e 23 de outubro. A outra prova deve ser marcada para maio de 2012. A assessoria do MEC confirma as duas edições neste período, mas as datas oficiais serão anunciadas no edital.

Com uma prova marcada para o primeiro semestre de 2012, confirma-se a intenção do MEC em aplicar duas edições do Enem por ano. Em recente entrevista ao G1, o ministro Fernando Haddad disse que a realização de duas edições "dependeria de muita gente", como os organizadores, gráficas e esquema de segurança envolvidos, e que o processo seria aperfeiçoado para evitar problemas em edições passadas, como o vazamento de provas em 2009 e os erros de impressão em um lote de provas em 2010. "Eu, sinceramente, acho que o processo de 2010 foi muito melhor que o de 2009. Então, eu entendo que o de 2011 será melhor que o de 2010", disse o ministro.

* Com informações da Agência Brasil

8 de maio de 2011

Matéria da revista aventuras na história


Veja matéria da revista aventuras na história na qual esqueceu o nome do único presidente do Brasil paraibano, você sabe quem foi?




De onde saíram mais presidentes do Brasil?

Até hoje, políticos nascidos em nove Estados chegaram ao posto mais alto da República

por Rodrigo Gallo

Minas Gerais e Rio Grande do Sul. Cada um deles levou para a presidência cinco chefes do Executivo de forma democrática, desde a proclamação da República, em 15 de novembro de 1889. O primeiro mineiro a assumir o poder foi Affonso Penna, de Santa Bárbara, que tomou posse em 15 de janeiro de 1906. Já o primeiro gaúcho foi Hermes da Fonseca, de São Gabriel, o sexto presidente eleito.

Os dois estados elegeram cinco representantes cada um. Isso levando em conta candidatos escolhidos em votação direta ou indireta que chegaram a ser proclamados para o cargo – não necessariamente empossados –, segundo a lista oficial do governo. Essa lista contém 28 “períodos presidenciais” (e inclui, por exemplo, Tancredo Neves, que nunca tomou posse).

Se levarmos em conta a lista dos que foram eleitos (mesmo os que não assumiram a vaga) e os que ocuparam a cadeira de presidente, inclusive governantes provisórios, juntas militares e ditadores autoproclamados, Minas Gerais e Rio de Janeiro empatam com oito nomes cada um.

As cidades dos presidentes

A lista inclui os eleitos ou indicados nos 28 períodos presidenciais -não necessariamente os chefes de Estado que tomaram posse

1891 - Marechal Manoel Deodoro da Fonseca

Marechal Deodoro – AL

1894 - Prudente José de Morais e Barros

Itu – SP

1898 - Manoel Ferraz de Campos Salles

Campinas – SP

1902, 1919 - Francisco de Paula Rodrigues Alves

Guaratinguetá – SP

1906 - Affonso Augusto Moreira Penna

Santa Bárbara – MG

1910- Marechal Hermes Rodrigues da Fonseca

São Gabriel – RS

1914 - Venceslau Brás Pereira Gomes

São Caetano da Vargem Grande – MG

1922 - Arthur da Silva Bernardes

Viçosa – MG

1926 - Washington Luís Pereira de Sousa

Macaé – RJ

1930, 1934, 1951, 1937 - Getúlio Dornelles Vargas

São Borja – RS

1946 - Marechal Eurico Gaspar Dutra

Cuiabá – MT

1951 - Juscelino Kubitschek de Oliveira

Diamantina – MG

1961 - Jânio da Silva Quadros

Campo Grande – MS

1964 - Marechal Humberto de Alencar Castello Branco

Fortaleza – CE

1967 - Marechal Arthur da Costa e Silva

Taquari – RS

1969 - General Emílio Garrastazu Médici

Bagé – RS

1974 - General Ernesto Geisel

Bento Gonçalves – RS

1979 - General João Baptista de Oliveira Figueiredo

Rio de Janeiro – RJ

1985 - Tancredo de Almeida Neves

São João Del Rei – MG

1990 - Fernando Afonso Collor de Mello

Rio de Janeiro – RJ

1995, 1999 - Fernando Henrique Cardoso

Rio de Janeiro – RJ

2003, 2006 - Luiz Inácio Lula da Silva

Garanhuns – PE

5 de maio de 2011

Programa Jovens Embaixadores 2012


O lançamento do programa aconteceu por meio de divulgação na imprensa nacional, seguido por várias entrevistas com estudantes que já se beneficiaram do programa e, também, por meio de um ‘twitcam’ para tirar dúvidas dos interessados.

Para ter acesso às informações gerais sobre o programa, os interessados devem acessar o site www.embaixada-americana.org.br/ya-index.php. Os nomes dos Jovens Embaixadores, que comporão a 10ª edição do programa e viajarão para os Estados Unidos em janeiro de 2012, serão divulgados no mês de outubro deste ano. Cinco bolsas para cursos de verão nos EUA serão sorteadas entre os vencedores.

O programa Jovens Embaixadores é uma iniciativa de responsabilidade social da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil em parceria com os setores públicos e privado em ambos os países. Entre os colaboradores estão o Conselho Nacional de Secretário de Educação (Consed), o Ministério da Educação (ME) e a rede de centros binacionais Brasil-Estados Unidos.

Também importantes para a realização deste programa são as Câmaras Americanas de Comércio em São Paulo e no Rio de Janeiro e empresas com claro propósito social, como a Federal Express (Fedex), Merk, Sharp and Dome Brasil, Microsoft S.A., Carlson Wagonlit Travel, United Airlines e Bradesco, a primeira empresa brasileira a apoiar o Programa Jovens Embaixadores.

Criado em 2002, o programa busca beneficiar alunos brasileiros da rede pública que são exemplos em suas comunidades – em termos de liderança comprovada, atitude positiva, consciência cidadã, excelência acadêmica e conhecimento da língua inglesa. O principal objetivo do programa é valorizar e promover o fortalecimento da educação pública por meio desses jovens, transformando-os em modelos para seus colegas e a comunidade.

Os vencedores desse concurso viajam em janeiro para um programa de três semanas nos Estados Unidos. Durante a primeira semana, visitam a capital do país, seus principais monumentos, participam de reuniões em organizações dos setores público e privado, visitam escolas e projetos sociais e fazem um curso sobre protagonismo juvenil.

Após essa primeira semana em Washington, os alunos selecionados são divididos em sub-grupos e cada um viaja para um estado diferente nos EUA. Lá, são hospedados por uma família americana, assistem aulas e interagem com jovens da sua idade, participam em atividades culturais e de responsabilidade social na comunidade e fazem apresentações sobre o Brasil.

Participam do processo de seleção os 26 estados da Federação e o Distrito Federal. O programa é destinado a alunos do Ensino Médio de escolas públicas, entre 15 e 18 anos e objetiva transformar jovens da escola pública em embaixadores, visando fortalecer os vínculos de amizade, respeito e colaboração entre Estados Unidos e Brasil, além de estimulá-los a continuar fazendo a diferença em suas comunidades, através de projetos sociais, ampliação dos conhecimentos e a promoção da autoestima.

A Secretaria de Estado da Educação (SEE) é parceira nesse programa desde o ano de 2008 e três alunos de escolas estaduais da Paraíba já participaram do evento. Mais informações podem ser obtidas na Gerência Operacional de Integração Escola Comunidade (Goiesc), no 3º andar da sede da SEE, no Centro Administrativo Estadual, em João Pessoa. Os telefones são 3218-4015 e 3218-4079.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...